sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Opinião: O Diário Secreto de Laura Palmer

Título Original: The Secret Diary of Laura Palmer (1990)
Autor: Jennifer Lynch
Tradução: Ana Lourenço
ISBN: 9789896651121
Editora: Suma de Letras (2016)

Sinopse:

Laura Palmer — a rapariga de rosto doce de "Twin Peaks" — escondeu as suas acçõesmais sombrias e os sonhos mais retorcidos num diário secreto, a partir dos doze anos... até ao dia em que foi assassinada. O diário contém pistas importantes sobre a identidade do seu assassino. E, para os habitantes de TwinPeaks, tem início um mistério que irá obcecá-los a todos...

Opinião:

Apesar de nunca ter visto a série de televisão "Twin Peaks", sei muito bem qual é a música do genérico e que se trata de uma história que pôs muitas pessoas a fazer a seguinte pergunta: Quem matou Laura Palmer? Tinha uma certa curiosidade de ler este livro de Jennifer Lynch, filha de David Lynch, uma das mentes por trás da série. Afinal, prometia mostrar um outro lado da história e dar a conhecer a jovem que surge morta logo no primeiro episódio. Porém, também tinha receio que o facto de não ter acompanhado a trama na televisão me dificultasse a leitura. Felizmente, existe um bom equilíbrio.

O Diário Secreto de Laura Palmer faz-nos acompanhar o desenvolvimento de uma jovem entre o período da puberdade e a adolescência. O livro é escrito em formato diário, tal como o título promete, o que faz com que a narração aconteça na primeira pessoa. Isso permite-nos conhecer os pensamentos mais profundos da protagonista e as suas dúvidas. Torna-se então perceptível, que o ambiente em que Laura Palmer vive não é propriamente equilibrado, para além de que ela não é quem aparenta.

Se ao início parecia apenas uma jovem inocente que queria viver novas experiências, depressa percebemos que existe um desequilibro, cuja causa nunca é explicada, que a levará num caminho de autodestruição. A forma que Laura encontra para encontrar um pouco de controlo está na entrega de atividades consideradas imorais. É apenas desses momentos que ela sente-se senhora da sua condição, mas também é isso que aumenta a sua tragédia pessoal.

O formato diário tem, porém alguns inconvenientes, já que possui muitos saltos temporais. Isto faz com que seja difícil adivinhar o que aconteceu nesses períodos de tempo e com que, em certos momentos, seja um pouco difícil entender o que aconteceu à protagonista para ter existido tamanha mudança de um capítulo para o outro. Além disso, há muitas figuras que vão sendo introduzidas sem que exista grande introdução e sem que se perceba ao certo quem são e de que forma se relacionam com Laura.

Acredito que quem tenha visto a série não tenha sentido as dificuldade apresentadas em cima. O livro parece funcionar como um bom complemento para a série, e fez-me ficar com vontade de, pelo menos, ver os primeiros episódios. Porém, tal não impediu a minha leitura nem me fez sentir vontade de largar o livro. Devorei este volume até à última página e fiquei muito impressionada com o que Laura fez a si própria. Também não deixei de pensar no papel da sua família, que pareceu nunca reparar no que estava a acontecer a esta jovem.

O Diário de Laura Palmer parece ser um ótimo complemento para quem acompanhou "Twin Peaks" e quer saber mais sobre uma das personagens mais enigmáticas da série, mas também pode cativar outros leitores. Negro e desconcertante, leva-nos a refletir sobre a instabilidade da adolescência, sobre o papel da família na formação pessoal e sobre atitudes destrutivas. Além disso, deixa-nos pistas, ainda que pouco perceptíveis, de quem será o assassino desta jovem.

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Passatempo: "Reunião de Heróis"

É com prazer que anunciou o novo passatempo do blogue! Está em sorteio um exemplar de Reunião de Heróis, de Ricardo Formigo.



Para se habilitarem a ganhar este livro, apenas precisam de:

- Responder a todas as questões colocadas no formulário (respostas aqui);
- Seguir o blogue e/ou fazer gosto na página de Facebook do blogue, aqui e/ou seguir o blogue no Twitter, aqui;
- Só participar uma vez (caso tal não se confirme a participação será anulada);
 - O passatempo termina no dia 3 de Setembro às 23h59. Não serão aceites participações após essa data.

Agora é só participar!




Notas:
- Este passatempo é realizado em parceria com o autor Ricardo Formigo e com a Chiado Editora;
- O vencedor será escolhido aleatoriamente entre as participações válidas através do site random.org;
- Como participação válida entende-se: existir apenas uma por participante com todos os dados do questionário respondidos correctamente;
- O vencedor será contactado por e-mail e anunciado no blogue;
- Este passatempo é válido para Portugal continental e ilhas;
- O blogue não se responsabiliza pelo possível extravio do livro nos correios.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Novidade da Porto Editora para Setembro

Viver sem Ti, de Jojo Moyes
Sinopse: Como seguir em frente depois de se perder a pessoa amada? Como construir uma vida que valha a pena ser vivida? Louisa Clark já não é uma jovem banal a viver uma vida banal. O tempo que passou com Will Traynor transformou-a, sendo agora uma pessoa diferente que tem de enfrentar a vida sem ele. Quando um insólito acidente obriga Lou a regressar a casa dos pais, é impossível não sentir que está de volta ao ponto de partida. Lou sabe que precisa de um empurrão que a traga de novo à vida. E é assim que acaba por ir parar ao grupo de apoio Seguir em Frente, cujos membros partilham sentimentos, alegrias, frustrações e bolos intragáveis. Serão também eles que a levarão até Sam Fielding – um paramédico que trabalha entre a vida e a morte, e o único homem que talvez seja capaz de a compreender. Mas eis que uma personagem do passado de Will surge de repente e lhe altera todos os planos, lançando-a num futuro muito diferente…. Para Lou Clark, a vida depois de Will Traynor significa reaprender a apaixonar-se, com todos os riscos que isso implica. Em "Viver Sem Ti", Jojo Moyes traz-nos duas famílias, tão reais como a nossa, cujas alegrias e tristezas nos tocarão profundamente ao longo de uma história feita de surpresas.

Disponível a partir de dia 22.


segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Autor da saga "Nascida nas Brumas" em Portugal

Alegrem-se os fãs da série "Nascida nas Brumas"! Brandon Sanderson vai passar por Lisboa para um encontro que será realizado a 8 de novembro.



A notícia foi avançada pelo editor da Saída de Emergência, Luís Corte Real, na 20ª edição da revista Bang!, disponível das lojas Fnac do País.

Já li o artigo há uns dias, e devo confessar que fiquei muito entusiasmada com a novidade. Até já marquei a data na agenda! Não se sabe ainda o local nem o que irá acontecer, mas esta passagem pelo o autor no País é uma boa surpresa. Quem sabe não irá atrair novos leitores para a série e estimular a publicação de mais livros (posso sonhar?)?

Quem também não vai querer perder este encontro?


Novidades da TopSeller para Setembro

Encontrada, de Carina Rissi
Sinopse: Sofia está de volta ao século XIX, e mais animada do que nunca para começar a viver o seu final feliz ao lado de Ian Clarke. No meio da loucura dos preparativos para o casamento, contudo, ela percebe que tornar-se a sra. Clarke não vai ser tão simples quanto imaginava. As confusões encontram Sofia antes de ela chegar ao altar — e uma tia intrometida que quer atrapalhar o relacionamento de Sofia e Ian é apenas uma delas. Além disso, coisas estranhas acontecem na vila, e Ian parece estar a enfrentar alguns problemas que prefere não partilhar com a noiva. Decidida, Sofia está disposta a tudo para ajudar o homem que ama. As suas ações, porém, podem pôr tudo a perder, e Sofia descobre que a única pessoa capaz de destruir o seu felizes para sempre… é ela própria. Encontrada traz-nos de volta o mundo apaixonante de Sofia e Ian, permitindo-nos mergulhar uma vez mais nesta envolvente história de amor.




O Samaritano, de Mason Cross
Sinopse: Após uma noite de tempestade, em Los Angeles, a detetive Jessica Allen é chamada ao local onde houve um deslizamento de terras. O motivo? Uma descoberta macabra: foi encontrado o corpo de uma jovem cujo pescoço foi degolado com um corte invulgar. No mesmo dia, são descobertos perto daquele local outros dois corpos mutilados de maneira semelhante. A detetive descobre que se trata da obra de um assassino que opera há mais de dez anos, sem nunca ter sido apanhado. É conhecido como o «Samaritano » e captura jovens desamparadas, cujos carros avariaram, deixando-as paradas e sozinhas na estrada. É então que Carter Blake aparece para oferecer os seus serviços a esta investigação policial. O secretismo em volta das suas verdadeiras intenções leva a detetive a desconfiar dele. Mas quando o Samaritano prossegue com uma escalada de assassínios, os dois terão de se unir para o deter de uma vez por todas…


O Casamento Escandaloso de Lady Isabella, de Jennifer Ashley
Sinopse: Durante o seu baile de debutante, Lady Isabella, de 18 anos, é «roubada» pelo mal-afamado Lorde Mac Mackenzie e casam nessa mesma noite, escandalizando a sociedade londrina. Depois de três anos de um casamento atribulado, Isabella volta a escandalizar Londres ao separar-se de Mac. Destruído pela separação, Mac dedica-se apenas à pintura. Mas sem a sua musa, percebe que também o seu talento o abandonou. Quando Isabella vê exposto um quadro do ex-marido, percebe que se trata de uma imitação e que há um falsificador a fazer-se passar pelo famoso Mac Mackenzie. Um mistério que faz Isabella reentrar na vida de Mac. Quando a sua linda mulher volta a cruzar a porta de casa, Mac percebe que a quer de volta à sua vida e à sua cama e tudo fará para reconquistá-la. Isabella tenta resistir-lhe, mas ao aceitar ser pintada, por ele, em poses eróticas, percebe que o desejo entre ambos é uma força imparável que apenas aumentou ao longo dos anos.


Disponíveis a partir de dia 5.


domingo, 21 de agosto de 2016

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Opinião: A Pirâmide Vermelha (Crónicas de Kane #1)

Título Original: The Red Pyramid (2010)
Autor: Rick Riordan
Tradução: Victor Antunes
ISBN: 9789896577889
Editora: Planeta (2016)

Sinopse:

Desde a morte da mãe, seis anos atrás, Carter Kane viaja pelo mundo com o pai, o egiptólogo Dr. Julius Kane. Não frequenta a escola e os seus pertences cabem numa única mala.
Enquanto isso, Sadie, a sua irmã mais nova, é criada pelos avós em Londres. Ela tem tudo o que Carter queria: casa, amigos e uma vida “normal”. E ele, o que ela mais deseja: conviver com o pai.
Depois de tanto tempo separados, os irmãos não tinham praticamente mais nada em comum. Até que na noite de Natal, durante uma visita ao British Museum, o pai faz uma estranha promessa: tudo voltará a ser como antes.
Mas o seu plano falha e os irmãos acabam assistindo ao momento em que um personagem misterioso desaparece com o egiptólogo e provoca uma explosão magnífica.

Opinião:

Depois de nos ter apresentando filhos mestiços de deuses gregos e romanos nas sagas "Percy Jackson" e "Os Heróis do Olimpo", Rick Riordan volta a impressionar através de uma nova série que tem como base a mitologia egípcia. Mas desta vez não há propriedades repletos de jovens com afinidade aos deuses, mas apenas dois irmãos que cresceram afastados e que viajam pelo mundo com o objetivo de salvar o pai e a humanidade.

A história é contada a duas vozes. Por um lado temos a prespectiva de Carter, cauteloso e com um espírito mais aberto. O facto de ter acompanhado o pai em tantas aventuras e de nunca se ter sentido em casa em qualquer lugar faz com que este rapaz tenha conhecimentos fora do comum e uma outra forma de encarar certos acontecimentos. Por outro lado há Sadie, uma jovem que se rebelou como forma de desviar atenções dos seus problemas familiares e que não consegue aceitar facilmente a existência de entidades divinas. O primeiro é mais racional, a segunda mais impulsiva. Diverti-me mais nos capítulos e Sadie apesar de, numa fase inicial, a achar um pouco irritante.

À medida que a trama vai avançando, os dois irmãos formam laços mais fortes. Apesar de não o admitirem, entre eles já existia um enorme carinho, mas a verdade é que mal se conheciam. Foi bom o autor ter escolhido esta ligação entre as personagens principais, para fugir um pouco às fáceis ligações amorosas. Porém, o facto de eles serem adolescentes que estão a conhecer uma série de figuras novas faz com que o romance também exista no livro, ainda que, num certo caso, possa parecer forçado.

Tal como Rick Riordan já nos habituou, também este livro apresenta um ritmo muito rápido. Há sempre algo a acontecer, um perigo a ser enfrentado e uma descoberta nova. Isto faz com que a leitura, embora previsível, avance com rapidez e proporcione bons momentos. Não há espaço para grandes paragens e o intercalar de pontos de vista faz com que exista sempre um novo ponto de interesse que estimula a leitura.

E se estão à espera de um desfile de figuras mitológicas, muito à semelhança do que acontece em outros livros do autor, então não vão ficar desiludidos. Entre deuses e outras criaturas que pertencem à mitologia egípcia, são muitas as figuras que nos surpreendem ao longo destas páginas. As personalidades nem sempre correspondem ao que seria esperado, o que, de certa forma, é uma lufada de ar fresco. Gostei que a ligação entre os protagonistas e os deuses não fosse igual à de outras séries do autor.

Rick Riordan continua a justificar o motivo pelo qual é um dos autores mais bem sucedidos da literatura juvenil. Os seus livros são divertidos, repletos de ação e têm ainda uma boa dose de factos históricos que são apresentados de forma apelativa. Todos estes ingredientes fazem com que livros que seriam destinados a um público mais jovem também divirtam os mais adultos. Gostei muito do início desta série e tenho muita vontade de acompanhar as aventuras dos irmãos Kane.

Outras opiniões a livros de Rick Riordan:
Percy Jackson e a Maldição do Titã (Percy Jackson #3)
Percy Jackson e o Último Olimpiano (Percy Jackson #5)
O Herói Desaparecido (Os Heróis do Olimpo #1)
O Filho de Neptuno (Os Heróis do Olimpo #2)
A Marca de Atena (Os Heróis do Olimpo #3)
A Casa de Hades (Os Heróis do Olimpo #4)
O Sangue do Olimpo (Os Heróis do Olimpo #5)