sexta-feira, 12 de julho de 2013

Opinião: Confissões de Uma Suspeita de Assassínio (Confissões #1)

Título Original: Confessions of a Murder Suspect (2012)
Autor: James Patterson e Maxine Paetro
Tradução: António Costa Santos
ISBN: 9789898626134
Editora: TopSeller (2013)

Sinopse:

Malcolm e Maud Angel eram pais altamente exigentes. Quando são assassinados, a filha mais velha, de dezasseis anos, Tandy, torna-se a principal suspeita do crime. Nesse mesmo dia, ela decide descobrir quem é o verdadeiro assassino, ainda que seja ela própria ou um dos irmãos. Tandy é uma rapariga-prodígio, incrivelmente inteligente e com Conhecimentos fora do vulgar. E agora também é herdeira de uma grande fortuna… Ela guarda muitos segredos, que regressam para a atormentar. Sente-se perdida, vítima da educação recebida dos pais. Mas não seria capaz de os matar… ou seria?
Um thriller emocionante e de leitura compulsiva, onde todos os segredos de Tandy, até os mais obscuros, são revelados. Quem sabe aquilo de que ela é, realmente, capaz?

Opinião:

A TopSeller apresenta Confissões de uma Suspeita de Assassínio, o primeiro volume de uma série dedicada aos leitores jovens adultos, repleta de intriga e muito mistério. A saga “Confissões” resulta da sétima parceria entre James Patterson, um dos autores mais vendidos nos Estados Unidos da América, e Maxine Paetro.

Tady, ou Tandoori, é a protagonistas desta história que é contada na primeira pessoa. De forma direta e bastante pessoal, Tandy inicia o relato no dia em que os seus pais foram mortos dentro da sua própria casa. Desde cedo o leitor percebe que esta não é uma família comum. Para além de possuidores de uma grande fortuna, os Angel revelam-se dotados de capacidades excepcionais, o que aumenta a suspeita de que algo de muito estranho está a ser encoberto.

A polícia depressa coloca na lista dos principais suspeitos todos os que estavam na casa dos Angel no momento da morte. Assim, os três filhos mais novos de Malcolm e Maud começam a ser prontamente investigados, assim como Samantha, a assistente da família.

De início, o que mais pode chocar o leitor é a reacção destes filhos à morte dos pais. Todos parecem aceitar esse facto inesperado com algum estoicismo, o que causa estranheza e faz aumentar  a suspeita de que realmente um deles, se não todos, estão envolvidos no crime. Contudo, com o decorrer da leitura, é possível perceber a razão daquele comportamento.

Os jovens Angel não são normais. Dotados de grandes capacidades, quer físicas, mentais ou criativas, foram desde o nascimento treinados para a excelência. Aos poucos, a rotina familiar é desvendada, e apesar de ser difícil de aceitar, leva a compreender muito do que foi inicialmente apresentado.

É interessante ver como os autores levam a colocar todas as personagens sob suspeita. Até mesmo Tandy, a protagonista, não escapa a esta desconfiança. As personalidades duvidosas  e o facto de todos apresentarem motivos que podem motivar o crime faz aumentar a curiosidade e a emoção da leitura. O desenvolvimento da trama faz também com que seja possível assistir à descoberta de um novo lado da personalidade destes irmãos.

Esta é uma leitura descontraída, à semelhança do que acontece com a série Maximum Ride, também de James Patterson. A linguagem é direta e os capítulos pequenos, de duas a cinco páginas, promovem uma leitura rápida. É impossível ler apenas um capítulo. Há sempre algo a acontecer e a vontade de desvendar o enigma leva o leitor a ler mais um, e mais um e ainda outro.

Confissões de uma Suspeita de Assassínio revela-se uma leitura interessante, mas que deixa adivinhar que a continuação da saga promete muitos mais do que até aqui foi desvendado. Afinal, nem todos os mistérios foram resolvidos.

Nota:  The Private School Murders é o nome original do segundo volume desta saga, com publicação prevista ainda para outubro deste ano nos Estados Unidos da América.

9 comentários:

Leitora disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Cláudia disse...

Ah! Cliquei no botão errado e removi a tua mensagem Leitora! Desculpa! Nem sequer tive tempo de ver o que estava escrito =( Vou tentar ver se descubro como reverter a situação.

Cláudia disse...

Bem, não consigo reverter mas descobri a mensagem:

Leitora*
Olá Lia
Tenho este livro na estante mas ainda não peguei nele, contudo devo referir que adoro este escritor. Fiquei um pouco triste por saber que não era um livro único, vou ter de esperar para poder adquirir os restantes.
Boas leituras! *

Eu também só percebi que era o primeiro de uma saga durante a leitura. Este livro deixa muito em aberto.

Bj*

Alessandra Nunes disse...

São quantos livros ao todo ?

Cláudia disse...

Olá Alessandra. Estão publicados 3 :)

Pam C. disse...

Olá, antes de mais devo dizer que sigo o seu blog e simplesmente adoro as suas opiniões. Estava a pensar qual livro iria ler a seguir e decidi ver se tinha na minha estante algum que tivesse gostado e tcharã que o "Confissões de Uma Suspeita de Assassínio" estava na minha estante. Obrigado pela sua opinião e espero gostar tanto do livro como me pareceu que gostou.
Adeus :)

http://presa-nas-palavras.blogspot.pt/

Cláudia disse...

Olá Pam! Agradeço as suas palavras e fico feliz por ter ajudado na decisão da próxima leitura. Espero que aprecie este livro! Beijinho*

Carla disse...

Olá,
Estou a ler este livro e a adorar, reparei que respondes-te à Alessandra que estão publicados 3 livros desta série, mas já em português? Se sim, podes dizer os nomes.
Obrigada.
Boas leituras.
Atmosfera dos livros.

Cláudia disse...

Olá Carla. Em Portugal ainda só saiu o primeiro volume e não há previsão para a saída dos próximos...